Hola viajero! Se você está à procura de um lugar lindo e dinâmico para conhecer, viajar para o Chile pode ser sua melhor escolha. 

Tem muitas vantagens: é perto (em média quatro horas de voo), a moeda deles, o peso chileno, vale menos que o nosso real (em média 1 peso = R$ 0,53 centavos) e o país oferece paisagens e cultura de sobra.

O Chile é um país bem diversificado, você pode desfrutar de paisagens bem diferentes em uma única viagem. Alguns exemplos são o Valle Nevado, famoso por suas estações de esqui de ótima qualidade, Viña del Mar, conhecida por suas praias badaladas no verão e o Deserto do Atacama, considerado o mais alto e seco do mundo.

Uau! Muita coisa legal para fazer, não é? Quando eu visitei o Chile (minha primeira viagem internacional!) eu fiquei apaixonada e espero que você também goste!

Quanto custa viajar para o Chile

Os custos de viagem depende muito do tipo de acomodação que você prefere, quantidade de passeios que pretende fazer, número de dias que vai ficar e muitos outros fatores. Mas para você poder ter uma média de quanto custa viajar para o Chile, separei alguns preços, olha só:

Pacote Voo + Hotel 7 noites

Aparthotel RQ Providencia em Santiago (considerado muito bom pelos viajantes)
Voando TAM saindo do GRU em São Paulo (classe econômica e sem escala)

Valor total para 2 pessoas = R$4.479,68

Se hospedar em Santiago permite fazer várias atrações das que citei acima, elas costumam durar o dia inteiro, como Valle Nevado e Viña del Mar. Mas se você preferir se hospedar nesses pontos não tem problema. Faça a viagem do jeito que você sonhou!

Minha pesquisa acima foi feita no site Expedia em 21-04-16.

Leia também:

Passeios

A Turistik é uma agência de passeios no Chile, ela é bem conhecida e foi a que usei quando estive por lá. Por isso, vou usá-la como base para fornecer alguns valores de passeios.

  • Viña del Mar e Valparaíso R$ 164,19 (por pessoa)
  • Andes Panorámico (Valle Nevado) R$ 125,56 (por pessoa)
  • Concha y Toro Marqués (degustação de vinhos) R$ 188,34 (por pessoa)

Dica: Passeios comprados online têm 10% de desconto.

Praia em Viña del Mar no Chile

Deserto do Atacama – ele fica longe de Santiago, aproximadamente 1.700 km de carro. Então se você pretende viajar para lá é preciso se programar e, talvez, aumentar o tempo da viagem para não precisar fazer tudo correndo.

Se carro não é o que você prefere, você tem a opção de chegar lá por avião, pousando em Calama, o aeroporto mais próximo. Lá você precisará pegar um transfer, taxi ou ônibus.

Leia também:

Bom, como você percebeu o valor da viagem varia muito com o que você pretende fazer, então não se esqueça de pesquisar bastante até encontrar a melhor maneira de fazer a viagem dos seus sonhos caber no bolso.

Um lugar que marcou minha ida ao Chile foi a visita na casa de Pablo Neruda (que eu amo!)

O que você precisa saber para viajar para o Chile

Aí vai uma listinha rápida do que você precisa para conhecer esse país lindo!

  • Como o Chile faz parte do Mercosul, você não precisa de passaporte, mas seu RG original precisa ter menos de 10 anos da última “atualização”. Carteira de motorista para dirigir, mas não substitui o RG.
  • Eles falam espanhol e são super solícitos
  • O Chile tem as estações do ano no mesmo período que o Brasil, então programe-se para não chegar no Valle Nevado no verão e não encontrar nenhuma neve.
  • A moeda é o peso chileno e você pode trocar onde achar o melhor preço.

Para saber quanto você está pagando por cada coisa, pode valer a pena baixar um aplicativo de conversor de moedas. Na Play Store o App Conversor de Moedas fácil tem uma boa avaliação pelos usuários.

Bom, fico por aqui. Nos próximos textos vou falando mais detalhadamente sobre cada um dos passeios que citei nesse post e também vários outros.

Não se esqueça de seguir meu Instagram, lá tem fotos exclusivas das minhas aventuras pelo mundo.

Hasta luego! ✈

Faça parte da tripulação!

Increva-se para receber dicas em seu e-mail. É free e nada de spams. 🙂